[info PT] Empresas portuguesas são as que menos cumprem prazos de pagamento

Segundo um estudo recente da Informa D&B, Portugal é, em todo o mundo, o país onde menos empresas cumprem os prazos de pagamentos acordados com os seus fornecedores. Em 2018, 26% das empresas portugueses pagaram a mais de 90 dias, e 85,8% não cumpria os prazos de pagamento com fornecedores. Na totalidade, há 50 mil empresas em Portugal com risco elevado ou médio-alto de se atrasarem a pagar a mais de 90 dias aos fornecedores.

ODSF-Info-PT-EMP-300x300 [info PT] Empresas portuguesas são as que menos cumprem prazos de pagamento

O risco associado ao recebimento é uma preocupação cada vez maior por parte dos gestores e relevante para o equilíbrio financeiro das empresas. Em Portugal, a maioria das transações comerciais entre empresas não é feita a pronto pagamento, ficando um valor por liquidar num prazo estabelecido. Em 2018, o valor por pagar a fornecedores era de 49,8 mil milhões de euros, o equivalente a 27% do PIB nacional. E o prazo médio de pagamento era elevado, situando-se nos 71 dias.

Apenas 14,2% das empresas portugueses cumpre os prazos acordados com os fornecedores. Com isso, Portugal revela uma tendência contrária à dos seus parceiros comerciais. No final de 2018, a média europeia de empresas cumpridoras era de 42,8%, três vezes superior ao que se verifica em Portugal. A Polónia é o país onde mais empresas (79,3%) pagam no prazo acordado.

Fonte: Informa D&B