[info PT] 30.823 novas empresas em Portugal até final de setembro

De acordo com os dados divulgados pela Informa D&B em 7 de outubro de 2021, de janeiro até o final de setembro 2021 foram criadas em Portugal 30.823 novas empresas, um valor 9,1% superior ao que se registou no mesmo período de 2020, mas ainda -18,9% abaixo dos valores de 2019.

A recuperação pós-pandemia decorre claramente a diferentes níveis e velocidades. Por exemplo, já há setores com registos acima ou muito próximos dos pré-pandémicos, como as Atividades imobiliárias (+2,5%), a Agricultura e outros recursos naturais (+1,1%) ou as Tecnologias de informação e comunicação (-0,4%).

Já os setores dos Transportes (-59%), Alojamento e restauração (-31%) e Serviços gerais (-30%) são os setores que mostram ainda uma maior distância face aos valores de 2019.

info-pt-emp-300x300 [info PT] 30.823 novas empresas em Portugal até final de setembro

É nos subsetores que encontramos as maiores fragilidades e oportunidades.

Por exemplo, a compra e venda das atividades imobiliárias, a atividade dos supermercados físicos e comércio online levaram à criação de mais de uma centena de empresas criadas em 2021 em comparação com 2019.

Também nos transportes, o subsetor da distribuição regista um grande crescimento com a criação de 190 novas empresas em 2021, mais 30 do que em 2019.

Por outro lado, alguns subsetores mostram uma dinâmica ainda afetada pela pandemia, como os transportes terrestres, saúde, desporto e bem-estar, educação e cultura, serviços turísticos, alojamento e restauração.

Por fim, a encerramentos e insolvências registraram valores inferiores a 2019, sobretudo devido às medidas de apoio do Estado português para as empresas.

Fonte: AICEP / Executive Digest / Informa D&B